Saúde: Dicas de nutricionista para acertar nas ceias de fim de ano

Christmas-Dinner-Party

 

Dicas do nutricionista Dr. Rômulo Alves.

Os principais erros cometidos nas ceias de fim de ano são:

– Não comer nada no dia para economizar calorias: isso é um grande equívoco pois isso faz com que você chegue na ceia com muito mais fome e pode te levar a exageros.

– Exagerar nos petiscos: a grande maioria dos petiscos natalinos são hipercalóricos, por isso é melhor maneirar nos petiscos e investir no jantar.

– Exagerar nas bebidas alcoólicas: um dos principais inimigos da boa forma é a cerveja, por isso é interessante fazer trocas saudáveis optando por vinhos ou drinks sem adição de açúcares.

E quanto a conservação e preparo dos alimentos? Quais os cuidados necessários?

–  Na hora do preparo, o ideal é elaborar uma ceia que seja suficiente apenas para a ocasião especial e não para render nos almoços e jantares da semana inteira. Na hora de temperar as saladas, utilize molhos à base de azeite de oliva, cebola, orégano e pimenta vermelha.

– Para regar os assados, é bom usar sucos e laranja com ervas, evitando óleos como o de canola e soja.

– Não utilize o mesmo talher para servir diferentes preparações. Pouco espaço na geladeira, em consequência, menos ar frio circulando entre os recipientes das ceia ou sobra.

Ficar apenas no líquido ou frutas durante o dia só pra se deliciar mais tarde nas ceias é considerado ‘um pecado’? O que consumir antes das ceias? E depois?

– Sempre reforço com meus pacientes que mesmo em ocasiões especiais devemos sair o mínimo possível da nossa rotina. Por isso indico que se alimentem normalmente, mantenham uma boa ingesta de água e pratiquem atividade física. Sair da rotina nesses casos pode levar a muitos exageros e pesar não só na balança mas na sua saúde.

– Não mantenha alimentos expostos fora de refrigeração por períodos longos, às vezes, até o dia seguinte. Isso implica proliferação de bactérias, principais causadoras de intoxicações alimentares.

Como não pecar, cair no descontrole? Como montar o prato?

– Em relação as escolhas durante a ceia, inicie com saladas cruas, pois possuem alto teor de fibras que irão atuar na absorção das gorduras. Em relação ao prato principal, prefira as carnes brancas como peru, frango e lombo em sua ceia de natal.

O que evitar consumir nas ceias

– Alguns alimentos típicos da ceia da natalina devem ser evitados por possuírem excesso de gordura, açúcar e carboidratos. São eles:

– Chester: um frango muito maior que o convencional que apresenta mais gorduras do que o peru e uma menor quantidade de proteínas.

– Pernil suíno ou de vitelo: são bem mais saborosos por apresentarem uma concentração maior de gorduras, porém, são mais calóricos.

– Panetone: apesar de possuir frutas secas, a sua massa é rica em gorduras e, por isso, deve ser ingerido em pequenas quantidades.

– Evitar manter preparações à base de ovos fora da refrigeração por período prolongado, como maioneses, rabanadas, doces de ovos, cremes, farofas. Mantenha os alimentos sempre cobertos e, se possível, aquecidos até o momento em que serão servidos.

Dicas para hipertensos e diabéticos

– É importante evitar alimentos com alto teor de gorduras saturadas, como frituras, embutidos (presunto, salsicha e salame), maionese, queijos gordos (gorgonzola, provolone e cheddar), carnes gordas (pernil, bacon, pele de aves e carnes vermelha com gordura) ou massas com creme de leite. Esses alimentos são ricos em sódio, gorduras e açúcares e podem levar a descompensação da hipertensão arterial e da diabetes.

É possível seguir a dieta num período como esse?

– Esta ocasião não deve ser o começo de uma jornada engordativa. Por isso, a palavra de ordem é equilíbrio. Coma e beba com moderação e deixe a “comemoração alimentar” apenas para o dia da festa, quando você poderá comer um pouco mais sem culpa. Mesmo tendo muitas opções, é possível manter o propósito de emagrecer, manter o peso e não causar alterações nos níveis sanguíneos.

– Perder peso e/ou manter um corpo saudável tem que ser entendido como um processo continuo e duradouro e não como um projeto com inicio e fim predeterminados. Quando você cria um hábito saudável e o inclui como parte da sua rotina , isso transforma não apenas o seu peso ou corpo, mas também sua saúde e forma de encarar a vida. Por isso é tão importante entender as demandas do paciente e orienta-lo na busca por hábitos mais saudáveis.

Qual o impacto da bebida alcoólica e da ingestão de comidas mais pesadas no organismo?

– Se o exagero existir, haverá a intoxicação pelo álcool, como vômito, perda da consciência e hipoglicemia. Em relação a alimentação, a pessoa pode apresentar diarreia, azia, queimação, má digestão.

Foto: Reprodução/Internet

Reportagem Drielle Almeida

Departamento de Jornalismo – Rádio Mundo Melhor